Dary Miranda

Cap11-290

Eu trabalho sempre sozinho. Minhas peças retratam, de preferência, figuras de mendigos, negros, alguns santos… Também faço fivelas, cachimbos, colares e terços pra decoração. Eu utilizo sempre dentes de boi ou de baleia, canelas de boi e pá, compradas na fábrica de adubo. As partes da baleia compro em Cabedelo, na Paraíba. Sou eu mesmo que compro e faço tudo. Uso a minha química – a água Marilene, que é um detergente muito forte. Eu escolho os ossos dependendo do que eu quero fazer. Se antes eu levava dois dias pra confeccionar uma peça, hoje faço, bem entalhada, em um pedaço de tíbia – osso da perna do boi – em apenas seis minutos. O preço da peça não tem nada a ver com o tamanho. Uma peça que dá mais trabalho é uma peça mais cara, mesmo que seja bem pequena. Tenho peças de diversos preços.

Localização

Natal, Rio Grande do Norte

Endereço

Natal, Rio Grande do Norte

Livros

O Reinado da Lua